terça-feira, 20 de julho de 2010

Hoje II

Hoje, acordei com um ar meio Zeca Baleiro, com uma vontade danada de mandar flores ao delegado... Acordei com uma vontade de vasculhar as gavetas, trocar os móveis de lugar, começar tudo do zero. Desisti depois dos primeiros espirros, após mexer nas velharias. Pude achar ainda umas cartas. Nelas, declarações de coisas que julgava que seriam eternas. Um bom exemplo disso é o dia de hoje, dia do amigo, em que não pude ver minhas amigas. Prometi por mil vezes que pelo menos nas datas importantes nos veríamos. Não pude evitar as mudanças na minha rotina: o imprevisto, o possível estágio, o trabalho de sociologia que adiei pela trigésima sétima vez... (ao invés do delegado, acho que vou mandar flores para a professora) E o tempo, meu escasso e mal dividido tempo, não me permitiu cumprir essa promessa.
Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades, mudam-se o ser. Todo mundo é composto de mudança, tomando sempre novas qualidades¹ (não necessariamente qualidades).
Juro que não queria ter esses trabalhos chatos, esses horários, essa dinâmica contraditoriamente parada, monótona. Por isso acordei com uma vontade louca de mudar. Comecei pelo lado errado, porque mudar meu quarto de lugar não significa deixar de acordar às seis da manhã, ou fugir de lavar o banheiro aos sábados, isso também não me permitiria ver quem eu gosto exatamente quando eu quero. Mas como mudar? Como fazer revolução na minha vida? Posso até encontrar resposta nas minhas vãs filosofias que vendo com tanto apreço. Dizem que o micro está no macro e vice versa, então... Começarei pelo meu quarto.

¹- Made in Camões.

6 comentários:

  1. Bem, é verdade que todos mudaram,nós não escolhemos isso, porém as promessas seriam cumpridas se nós realmente tivéssemos vontade, se elas tivessem ainda a importância que tinham na época que foram prometidas, bem agora já não importa... Vamos continuar nossa bela amizade, dentro das limitações que o tempo e as novas tarefas nos obrigam.
    abraço ;}

    ResponderExcluir
  2. "As promessas seriam cumpridas se nós realmente tivéssemos vontade..."

    Certíssima!
    é muito mais legal ir a ETUFOR, pegar a senha 564, almoçar coxinha e fazer relatórios do que sair com as amigas...

    ResponderExcluir
  3. Mudar pode até ser difícil, mas o pior é descobrir por onde começar. Mesmo quando não conseguimos de fato mudar, só em pensar nisso já nos torna diferentes, disponíveis à viver...

    ResponderExcluir
  4. Eu mudo todo dia,nem que tenha que refazer tudo meia hora depois. Mas mudo....
    Maurizio

    ResponderExcluir
  5. A gente muda tanto que acabamos sempre os mesmos. Primeira vez que passo por aqui :)
    Parabéns, viu?

    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Mudar é bom, renova!
    Ainda que sejam mudanças não planejadas.
    Qualquer coisa é só bater na porta do vizinho e desejar bom dia! =]

    Beijos

    ResponderExcluir

E então???